Espreitando






Te espreito a alma e o que vejo
é um anjo desajeitado e doce,
assustado feito um menino,
que não sabe o que fazer
pra sumir com as consequências
do que fez com seu destino...

Nina Victor



2 comentários:

Helio Jenné disse...

Lindo, profundo e tocante.
Parabéns Nina, menina de palavras certas nas horas incertas!

Nina Victor disse...

Só pra você, Helinho!
Beijo, ;)