O que fizeste, poeta?


O que fizeste, poeta
para deixar a musa triste assim?
Consegues imaginar
quantos rios ela chorou,
quantas preces rezou,
quantos soluços abafou
à tua espera?

Hoje ela está uma fera
e é melhor tomar cuidado!
Mas não se faça de rogado
e a procure sem falta
e conta pra ela, sem pudor,
o tamanho do seu amor.

Helio Jenné

2 comentários:

Nina Victor disse...

Inspiradíssimo, caríssimo...

Helio Jenné disse...

A tristeza também pode ser inspiradora... além da imagem, que foi muito bem escolhida.
Beijo, Nina!